Curso de extensão forma colaboradores para o projeto Redeci

De 6 a 10 de fevereiro, estamos realizado o curso de extensão universitária “Edição e Remix de Conteúdo Digital”, oferecido aos estudantes de licenciaturas e Serviço Social da Universidade Federal do Triângulo Mineiro. O objetivo é formar colaboradores para o projeto “Redeci – Engajando Jovens através da Mídia-educação”, em execução na universidade com recursos do programa “Novos Talentos” da Capes.

O curso de extensão é composto por cinco aulas de três horas cada. A cada dia, os alunos aprendem técnicas de produção de conteúdo dem quatro linguagens: texto, áudio, foto e vídeo. O conteúdo é produzido com auxílio de diversas ferramentas web 2.0 e a produção resultante é submetida a uma avaliação em termos de linguagem e representação. O conteúdo produzido, assim como a auto-avaliação correspondente, serão publicados em blogs pessoais.

A primeira aula, como é de praxe, começou com uma apresentação, na qual cada participante expôs sua motivação para estar ali. Alguns querem estudar mídia-educação, outros querem aprender técnicas de produção para aplicar no estágio. De um modo geral, o uso das novas mídias parece estar posicionado na prática escolar. Só não dá para saber em que medida essas atividades desenvolvem as habilidades de media literacy ou acabam se resumindo a uma mera celebração da vontade dos alunos. A tendência, quando não há uma pedagogia própria de mídia-educação, é que as atividades de produção sejam divertidas, motivem os alunos, mas lhes dê pouca oportunidade para aprender sobre cultura midiática enquanto experimentam com ela. para isso, é preciso ter método e os fundamentos desse método estão na mídia-educação.

A seguir, fiz uma apresentação de 20 minutos sobre o projeto, as razões que nos levaram a criá-lo e as habilidades que pretendemos ajudar os estudantes a desenvolver. A apresentação começou com a comparação entre uma foto feita por estudantes que vieram às oficinas do ano passado e um anúncio da marca de jeans Fórum, para discutir a ideia básica de “influência da mídia”.

Foto produzida por estudantes e campanha da Fórum criam representação semelhenate sobre a política. A publicidade influencia nossa formação de valores?

Não é difícil perceber que os estudantes usaram um clichê largamente disponível nas mensagens midiáticas, que associam a política com a sujeira. Mas há uma diferença entre repetir um clichê e ser “dominado pela mídia”. De fato, a pesquisa no campo da comunicação e áreas afins ainda não conseguiu reunir evidências definitivas sobre o poder de influência da cultura midiática, embora nosso bom senso nos diga que a vida seria diferente se não fosse essa influência.

Uma saída sensata para resolver esse impasse no campo da educação é promover a leitura crítica da mídia e, internacionalmente, tal promoção tem sido orientada por quatro conceitos-chave:

Linguagem – criar atividades que ajudem o estudante a experimentar com a linguagem midiática e, assim conhecê-la por dentro;

Instituições de mídia – simular e produzir conteúdos aplicando rotinas de produção profissional para compreender em que medida o produto final é mais resultado de práticas instititucionalizadas do que uma suposta capacidade que a mídia tem de refletir a realialidade como ela é;

Audiência – compeender o comportamento da audiência que, basicamente, negocia significado com a mensagem. Na prática, algumas mensagens são interpretadas exatamente do modo como seus autores queriam que fosse, enquanto outras são interpretadas de modos alternativos e até completamente inesperados. Desse estudo,  ao menos potencialmnente, emerge uma comrpeensão do poder relativo das mídias, que não deve ser nem sub, nem super estimado. Compreendido já é o bastante para a mídia-educação;

Representação – aprender a avaliar criticamente o modo como os recursos da linguagem e as rotinas de produção resultam em valores comumente associados a sujeitos, hábitos, instituições. Ao comparar (com metodologia) o modo como mensagens diferentes apresnetam o mesmo assunto, os estudantes têm a oportunidade de se afastar das mídias e observá-las “de cima”. Tal prodecimento cria as bases para uma análise crítica, que compreende a mídia como representação e não como cópia da realidade.

A apresentação terminou com uma síntese das habilidades de media literacy traçadas por Henry Jenkins no relatório “Confronting the Challenges of  Participatory Culture: Media Education for the 21st Centure” e uma descrição de como estamos tentando implementar algumas dessas habilidades na Redeci.

Por fim, os alunos usaram o tempo restante para criar contas nos sites que iremos usar nos próximos quatro dias:

Blogger – Criação de blogs
Flickr – Compartilhamento de fotos
Delicious – Organização e compartilhamento de sites e páginas favoritas
Stripgenerator – Produção e compartilhamento de HQs
Picnik – edição de fotografia na nuvem
Slideshare – Compartilhamento de arquivos
4share – Compartilhamento de áudio em MP3
Freesound – Compartilhamento de efeitos sonoros

Youtube – dispensa comentários…

Na segunda aula, começaremos a trabalhar com o texto impresso. Para tanto, eles irão produzir uma pauta jornalística, realizar uma entrevista e apurar informação na internet sobre mídia-educação. Depois, irão redigir uma reportagem com título, lide e texto em pirâmide invertida.

Anúncios

Sobre ABujokas

Sou graduada em jornalismo, doutora em educação, professora da Universidade Federal do Triângulo Mineiro e pesquisadora no campo da media literacy/mídia-educação. Embora viva na terra do boi Zebu, não tomo leite e não como carne, porque fazem mal para mim e para o meio ambiente.
Esta entrada foi publicada em Formação de professores, Projeto Redeci. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s